sexta-feira, 2 de abril de 2010

Diálogos de Domingo cedo - Parte XX

Jovem, galante que só, com sua camisa do Megadeth, sua calça-tripinha e seu Converse branco, além de seu boné de carreteiro, lá estava, no início de mais um sábado à noite. Como não havia jantado, sugeriu algum lugar pra comer pesadamente e pagar pouco por isso: Habibs. E lá foram os três mosqueteiros dentro do fusquinha: Pirú, dirigindo, o Teta no carona e Jovem no banco de trás. Eis que Pirú desce o pé no Codornão, apelido carinhoso do Fusca, entra rapido em uma curva e perde o controle. O carro capota, todo mundo voa longe, mas Jovem permanece bem, firme, robusto, ainda segurando os garfos que tinha surrupiado do lugar onde estavam e com os olhos extremamente esbugalhados de susto. É, eu também não sei o motivo de roubar garfos, mas, enfim, eles estavam lá. Teta fora arremessado a metros, tendo como destino dar aquela chapada após o breve vôo, batendo os dois joelhos e as costas ao mesmo tempo no chão. Jovem, desnorteado, se pergunta que lugar é aquele, não acreditando que Piru havia batido o carro, depois de tantas e tantas macaquices na época em que nem carteira de motorista os dois tinham.
Logo chegou a ambulância, para socorrer o Teta e a polícia, para tentar achar o ladrão de seu tenis novinho, subtraído milésimos após o capotamento, e para autuar Piru por estar com o documento atrasado por três anos. Assim sendo, Teta foi encaminhado para o hospital, antes tendo um pequeno surto claustrofóbico por estar completamente imóvel na maca do Siate.

Teta: MANO, MANO... ARF ARF... OW, VEY, TIRA EU DAQUI, VEY, OW... HMMMFFF GAASP! OW, JOVEM... JOOOOVEMMM!!! OOOOF... AGH.... SÉÉÉÉÉÉRIO, MANOOO! EU TENHO CLAUSTROFOBIA, MANO, ME TIRA DAQUI, CARA, ME TIRA DAQUI...... OOOOOOOOOGHHH AAA....HMMFFFFF... COF!


Maravilha! Vejam a cena: O carro rebocado para o detran, o Jovem no primeiro hospital e o Teta em um segundo. Piru não sofreu nada, e seguia à pé para esperar a auta de Jovem, na frente do Evangélico:


Piru: Mano, foi mal, vey.... Desculpa... (com voz de choro)

Jovem: Dá nada não, fih, depois nóis vê o que que faz, vamo atrás do Teta que ele tá pior que eu, você e o carro juntos.


Por causa de uma fratura na clavícula e de alguns cortes que necessitavam ser suturados, nosso coadjuvante peitudinho, e único verdadeiramente fodido por causa do acidente, teve que ficar internado, aguardando atendimento na mesma posição em que o amarraram horas antes. Não suficiente, o dia já estava quase claro, mais uma manhã de domingo e mais um deles, os famigerados "Diálogos de Domingo Cedo". Mas aquele dia foi diferente: Jovem chegou, e, como em um passe de mágica, como um mistério, um enigma a ser desvendado, D. Jovelina estava dormindo. Sim, milagre, pois todas as vezes, Jovem fugia da conversa da mãe, mas dessa vez ele foi obrigado a acordá-la:


Jovem: "TOC TOC TOC..." (batendo na porta)Mãe... Mãe...

(Lógico que ela entrou em desespero, né)

D. Jovelina: Ai, Jovem, meu Deus... O que aconteceu, meu filho, o que aconteceu? Você tá bem?

Jovem: Ah, eu tou bem sim, quem não tá muito legal é o Teta...

D. Jovelina: AI, MEU DEUS! BATERAM O CARRO, É ISSO????????????

Jovem: Não, a gente capotou mesmo...

D. Jovelina: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHH MEU PAI DO CÉU!! AI.. AI, FILHOO... O QUE QUE ACONTECEU??

Jovem: Ah, a gente capotou o carro, ué!

D. Jovelina: É NISSO QUE DÁ! Nisso que dá sair bêbado de carro e querer correr! É um absurdo, uma falta de responsabilidade! Já pensou se vocês morrem? Se matam alguém? Se ficam aleijados? E se pegasse fogo? E se o carro tivesse virado em cima de você??? E se tem uma criança na rua? E se alguém de vocês tivesse morrido? E se vocês são presos por dirigir bêbado? E se acontece alguma coisa pior?? E se....

Interrompendo-a, jovem diz:

Só uma coisa, só uma coisa: Aliás, duas! Obrigado por se preocupar. Excepcionalmente não estávamos bêbados e estamos bem, apesar de tudo. E... Por acaso a Vó fez esse mesmo tanto de pergunta quando você deu PT no fusca da Eletropaulo, com a sua Variant verde-azeitona, ao tentar ultrapassar o carro com quem estava tirando racha, em 1978?

oO

Um comentário:

  1. se vê q é de familia o baguio, essa alucinação da poha

    oO

    ResponderExcluir